Taboleiro abre o primeiro restaurante-container em Natal

Sucesso em Natal quando o assunto é comida, amigos e diversão, o Taboleiro está com um super novidade. Diante de uma necessidade de voltar à rua, em um ambiente mais informal, descolado e moderno, o empresário Artur Fontes inaugura esse mês uma nova unidade, com uma proposta inovadora, o primeiro restaurante-container da cidade.

 O novo Taboleiro já está de portas abertas. Construído com containers reciclados, esse formato de restaurante internamente é climatizado. O projeto é totalmente sustentável, visto que reaproveita containers que não servem mais para o transporte de cargas. A casa nova está localizada na avenida Ayrton Senna, 2809, Neópolis.

 A ideia já está chamando a atenção. “Os restaurantes em containers são tendência mundo a fora, são práticos e deixam o ambiente muito mais descontraído”, afirma Artur Fontes. O cardápio manteve os pratos consagrados da matriz, situada na avenida Engenheiro Roberto Freire, mas com algumas novidades.

 O cardápio tem a seção de Farturas – pratos para duas pessoas – com sabores como o Camarão do Mangue, Camarão Gringo e o Filé de Sol de Caicó. A parte de Bocadinhos tem deliciosos sabores de petiscos, entre eles o Camarão Caprese, o Filezinho no Molho e Baião de Nóis, além de variados sabores na sessão de Miudinhos (petiscos individuais) como os famosos Dadinhos, os escondidinhos e pastéis.

 Assinado pela arquiteta Carla Beltrão, o projeto do novo Taboleiro – em um Container – teve como premissa tirar o máximo partido da forma e do conceito industrial do container, agregando a ele características importantes que já fazem parte dos projetos dos restaurantes Taboleiro. A estrutura conta com estacionamento interno, espaço para crianças, banheiro com acessibilidade, ambiente aberto ao ar livre e área climatizada

O restaurante funciona de terça a sexta, das 17h às 0h, sábado, das 11h30 às 23h e domingo e feriados, das 11h30 às 16h.

Siga o Taboleiro no Instagam @Taboleiro.

Contatos: (84) 3322-6254 / 98766-6254

Deixe um comentário

você pode gostar também Mais do autor