Shows, espetáculo infantil, dança e arte urbana na agenda cultural da Lei Djalma Maranhão

A programação de fim de semana dos projetos culturais atendidos pela Lei Djalma Maranhão, da Prefeitura do Natal, é vasta e atende todos os gostos e idades. Toda a programação é gratuita. Conheça a agenda para sábado (21) e domingo (22) em Natal:

SÁBADO (21)

ARTE URBANA NO JESIEL FIGUEIREDO, ZONA NORTE
No Espaço Cultural Jesiel Figueiredo (Gramoré), a partir das 19h, tem mais edição da “Batalha do Vinho”. Trata-se de um duelo entre Mcs e Djs que reúne diversas tribos de artes urbanas na Zona Norte de Natal. Desde o hip hop, rap, passando pela sonoridade regional, grafitti e skate. Início: 19h. Entrada Franca

DANÇANDO NAS DUNAS COM “GRUPO JOVEM”
A próxima atração do projeto Dançando nas Dunas será com o grupo Mosayco. O grupo é caracterizado pela diversidade musical intercultural e formação instrumental diferenciada. O show, com música e dança, envolve a força expressiva do flamenco tradicional e jazzístico, além de obras de caráter ibérico e músicas autorais, estabelecendo diálogos interpretativos com intuição fraseológica de caráter improvisado e exploratório. Início: 16h30. Entrada Franca

DOMINGO, DIA 22

BOSQUE ENCENA “QUERÊNCIA QUER VER O MAR”
O Bosque Encena deste domingo apresenta “As Caçadoras de Histórias”, espetáculo do grupo Clowns de Shakespeare. Será um dia muito importante para a atrapalhada Boia, pois ela descobrirá se finalmente será aprovada no teste que permite a ela se tornar uma caçadora de histórias oficial! Para isso, Boia terá que convencer o público e sua supervisora Suri de seu talento, contando as mais extraordinárias e divertidas histórias que conhece sobre o reino animal, buscando valorizar princípios como a cooperação e a amizade. Será que Boia será enfim aprovada? Início: 10h. Entrada Franca.

SOM DA MATA COM CHICO BETHOVEN
Um dos principais nomes da música potiguar estará mostrando todo seu talento no Som da Mata deste domingo. Chico Bethoven, que acumula três décadas de trajetória artística, preparou um repertório com suas próprias composições e clássicos da música internacional, interpretando melodias que estão na memória musical afetiva de grande parte do público e convidou para acompanhá-lo nada menos que Erick Firmino no contrabaixo, Sílvio Franco na bateria e Wallyson Santos na guitarra. Início: 16h30. Entrada Franca.

Deixe um comentário

você pode gostar também Mais do autor