Suspeitos de matar PM morrem em confronto com a Polícia Militar em Mossoró

Na madrugada desta quinta feira, feriado de Corphus Crhisti, a cidade de Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte registrou mais duas mortes violentas provocada por disparos de arma de fogo.

Dois homens identificados como Afonso Rafael Arruda da Silva e Anderson Silva de Melo, o “Andinho” de 22 anos de idade, morreram após trocar tiros com policiais militares do 12º BPM na Favela do Velho, região das Malvinas.

De acordo com a PM, um dos mortos no confronto, o Andinho participou do assalto onde foi morto um Policial Militar no início da madrugada de hoje, durante um assalto em Areia Branca. O outro suspeito morto, Afonso Rafael, estava com Andinho e atirou nos Policiais.

Ainda segundo a PM, após o assalto que resultou na morte do PM, os criminosos, fugiram em uma Fiat Uno vermelha e se esconderam na Favela do Velho, área das Malvinas em Mossoró. Após receber informações sobre o paradeiro dos suspeitos, os policiais saíram em diligências no sentido de localizar e prendê-los, mas ao chegarem na favela e ao se depararem com os indivíduos, as equipes da ROCAM e Rádios Patrulha foram recebidas a bala.

Houve confronto e os dois supeitos foram baleados e socorridos pela própria PM para o Hospital Regional Tarcísio Maia, mas não resistiram e morreram ao chegar na Unidade Hospitalar.

Um terceiro suspeito identificado como Francisco Wênio Santos Rocha, foi preso durante a ação da PM na favela. Ele estava com o Fiat Uno roubado e usado no assalto em Areia Branca.

A Polícia apreendeu várias armas, entre elas quatro revolveres e uma escopeta calibre 12 e ainda a pistola do policial morto durante o assalto em Areia Branca.

Deixe um comentário

você pode gostar também Mais do autor