Presidente da Petrobras renuncia ao cargo após novo aumento da gasolina e do diesel

- publicidade -

A Petrobras anunciou na manhã desta segunda-feira (20) que o presidente da companhia, José Mauro Coelho, renunciou ao cargo.

“A nomeação de um presidente interino será examinada pelo Conselho de Administração da Petrobras a partir de agora”, disse a empresa, em nota.

O governo Jair Bolsonaro vinha pressionando Coelho há duas semanas para que ele deixasse o cargo a fim de apressar a posse de Caio Paes de Andrade, o novo indicado para o cargo. Coelho se negava a aceitar os insistentes pedidos.

Com o reajuste de preços da gasolina e do diesel anunciado na sexta-feira, a pressão escalou muitos degraus. O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), passou a ameaçar, apoiado por Jair Bolsonaro, com a abertura de uma CPI, com a devassa nas contas de conselheiros e diretores da estatal e com aumento da taxação dos lucros da empresa.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode sair do site, caso não concorde. Ok Saiba mais