Polícia Civil prende foragido da Justiça pelo crime de homicídio qualificado

Agentes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil cumpriram, nesta terça-feira (06), um mandado de prisão preventiva contra José Maxwell Siqueira, vulgo “Negão”, de 25 anos. Ele é apontado como o responsável pelo assassinato de Walnyery Erlandy Silva, crime que ocorreu às 6 horas da manhã do dia 16 de junho, no bairro de Igapó.

O homem participava de uma festa na casa da vítima, onde fornecia drogas para os participantes. Walnyery teria comprado drogas a Maxwell Negão, porém na hora do pagamento houve um desentendimento. Testemunhas confirmaram que Negão a perseguiu e foi o autor do disparo que vitimou Walnyery.

Segundo o Delegado Rysklyft Factore, Maxwell Negão é apontado também como membro de uma facção criminosa e respondia processo por tráfico de drogas. Ele estava foragido, quando foi preso na manhã hoje em Alto do Rodrigues, pelo crime de homicídio qualificado.

Deixe um comentário

você pode gostar também Mais do autor