Polícia Civil prende suspeito de liderar facção criminosa no Vale do Assú

- publicidade -

Uma operação deflagrada pela Delegacia Municipal de Assú, com apoio de policiais civis de Ipanguaçu e da 2ª. Delegacia de Polícia de Mossoró, resultou na prisão de cinco pessoas, quatro homens e uma mulher investigados por integrarem uma organização criminosa que agia entre as regiões do Meio Oeste e o Oeste do estado, na última sexta-feira (05). Entre os presos detidos em Mossoró está Francisco Canindé de Souza, conhecido como “Boy Regi, Régis ou Zé Bedeu”, suspeito de ser o líder de uma facção criminosa de atuação nacional, na cidade de Assú.

Durante a ação, foram cumpridos cinco mandados de prisão. Foram presos suspeitos pelos crimes de homicídio, organização criminosa e posse ilegal de arma de fogo, Webert Pedro do Nascimento, conhecido como “Enzo ou Mãe Luiza”, Renan Barbalho de Paula, conhecido como “Fantasmão ou Cara de Cavalo” e Francisco Canindé de Souza. Mônica Pereira da Silva, companheira de Régis, foi presa por ser investigada pelo crime de organização criminosa.

Os policiais civis cumpriram um mandado de busca e apreensão na residência de Francisco Canindé de Souza e apreenderam um veículo de luxo e outro popular, provavelmente adquiridos com o dinheiro do crime.

Os presos foram encaminhados para a Cadeia Pública de Mossoró, onde permanecerão à disposição do Sistema Prisional do estado. A Polícia Civil de Assú solicita à população que, caso haja informações sobre suspeitos de crimes, liguem para o Disque Denuncia pelo número (84) 99992-2122. O denunciante tem a garantia do sigilo da identidade

Deixe um comentário