Ação do Ministério Público pede a cassação dos direitos políticos de Rosalba Ciarlini

- publicidade -

O Ministério Público Eleitoral do Rio Grande do Norte ingressou denúncia contra a prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini (PP), por abuso de poder político. O pedido é de inelegibilidade por oito anos. A denúncia será analisada pela juíza da 33ª Zona Eleitoral Giulliana Silveira de Souza. A Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE), assinada pelo promotor Hermínio Souza Perez Júnior, aponta o uso irregular das redes sociais institucionais da Prefeitura de Mossoró para se promover. Segundo o promotor público, a prefeita utilizou do mesmo material institucional em suas redes sociais pessoais — sendo inclusive notificada pelo MP Eleitoral. “Durante a campanha eleitoral propriamente dita, essas fotografias, inicialmente veiculadas nos perfis institucionais do Município de Mossoró, foram utilizadas na campanha eleitoral de rua da candidata Rosalba Ciarlini, que, diante de sua irregularidade”, relata a denúncia. A AIJE informa que está apurando indícios de que as postagens nas redes institucionais e pessoais foram feitas de forma sincronizada. Até mesmo a hastag #mossorocontraocorona foi entendida como uma forma de promover a prefeita, inclusive com a criação de uma página no Instagram.

Saiba mais em: https://agorarn.com.br/ultimas/acao-do-ministerio-publico-pede-a-cassacao-dos-direitos-politicos-de-rosalba-ciarlini/ | Agora RN

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode sair do site, caso não concorde. Ok Saiba mais